Cidadania

O que é racismo? Entenda tudo sobre o preconceito racial

O racismo é uma das formas de preconceito e de discriminação que tem como base um termo um tanto quanto controverso, uma vez que é entendido dentro da sociologia como um julgamento com base na genética e nas raças. Durante os séculos passados, o racismo era entendido como a cor da pele e as origens geográficas de cada indivíduo que poderiam promover uma diferenciação de cada uma das raças.

Ao misturar as mais diversas culturas e as mais variadas características físicas, os primeiros sociólogos puderam estabelecer e reforçar a dominação dos povos brancos da Europa sobre as outras etnias que não eram europeias.

A partir dos mais diferentes entendimentos entre os termos racismo e preconceito é possível compreender que o preconceito, em sua origem, se trata da formulação de conceitos sobre alguma coisa sem nem mesmo ter o seu conhecimento. O preconceito, por sua vez, pode ser o julgamento de que algo é ruim devido aos seus aspectos físicos. Ao trazer para as relações entre as pessoas, o preconceito pode consistir em prejulgar algo sem, de fato, ter o seu conhecimento prévio.

A escrita de uma redação sobre racismo e preconceito racial ou sobre o racismo e discriminação social no Brasil podem ser temas tanto para uma redação pronta sobre racismo no Brasil tanto quanto para um texto dissertativo-argumentativo sobre racismo ou sobre o conceito de racismo estrutural.

Como combater o racismo

O racismo, com toda a certeza, deve ser combatido todos os dias em primeiro lugar nas atitudes do âmbito individual e logo depois, nas esferas sociais. Antes de tudo, é essencial compreender e reconhecer que esse problema existe em nossa sociedade e que ele precisa ser enfrentado, uma vez que a negação racismo pode contribuir para a sua perpetuação.

Ainda assim, as lutas contra as desigualdades raciais não devem ser o assunto exclusivo das pessoas que estão diretamente afetadas por essa questão, e sim um compromisso de todo e qualquer cidadão para com a sociedade em que estão inseridos. Ao trazer esse assunto para dentro das instituições públicas pode ser de grande auxílio para que seja possível implementar uma cultura cada vez mais antirracista dentro dos setores públicos de cada uma das sociedades.

De um modo mais aprofundado, o conhecimento das outras culturas, de outros hábitos e de novos indivíduos se tornou fundamental. É preciso tentar compreender e ter contato com as mais diferentes formas do saber das quais nós estamos habituados, e perceber que cada um dos seres humanos são muito semelhantes.

Além do mais, fomentar uma política para reduzir cada uma das disparidades de renda e para reduzir a pobreza, por exemplo, precisam estar associadas às ações mais afirmativas tanto no campo da educação bem como para que seja possível ampliar o acesso aos sistemas de saúde mais efetivos e acessíveis a todos os indivíduos. Por isso, é essencial analisar com muito cuidado as gestões públicas e que ocorra uma integração dos mais diferentes setores dos governos.

Por sua vez, ter como exemplo de redação sobre racismo no Brasil pode ser um tema abordado no ENEM bem como o combate ao racismo, a democracia racial e o conceito de racismo velado.

O racismo no Brasil

Mesmo que a abolição da escravatura tenha ocorrido no Brasil durante o ano de 1888, o racismo ainda tem uma forte característica como uma espécie de desafio para a população negra até os dias de hoje. No entanto, a abolição no Brasil e nas outras localidades não tenha sido planejada e, por essa razão, não houve um plano de orientações adequado, um projeto para acolher nem mesmo para instruir cada um dos escravos recém libertos.

Até os dias de hoje há a falta de uma atenção voltada para a população negra, que, de forma súbita, se viu, em sua maior parte, sem ter acesso à moradia e à alimentação, o que teve como principal resultado a sua marginalização.

Pois bem, o estigma da escravidão aliado com a situação de marginalização de cada um dos indivíduos que, sem ter acesso a alimentação e a moradia, foram viver em locais mais afastados resultou na atual situação em que ocorre a exclusão que, por sua vez, pode levar a atitudes de racismo durante os dias de hoje.

É imprescindível ressaltar que com algumas leis de abolição que entraram em vigor no Brasil, não garantiu que todos os escravos fossem, de fato, libertos. Muitos dos escravos, sem o conhecimento ou até mesmo sem ter acesso às informações sobre as suas condições de libertos, ficaram submetidos a escravidão no Brasil ainda que depois da lei da abolição.

Escrever uma redação de forma rápida para iniciantes pode indicar toda a persistência do racismo na sociedade brasileira bem como cada um dos impactos do racismo. É importante ressaltar que o texto deve conter uma introdução e uma conclusão.

Deixe seu Comentário